Imprimir

Cursos

Letras – Português do Brasil como Segunda Língua (Licenciatura)

O Curso de Letras – Português do Brasil como Segunda Língua (Licenciatura) tem por meta a formação de professores de língua portuguesa para ensinar o português do Brasil  - língua, literatura e cultura – a falantes e usuários de outras línguas. O curso, que se circunscreve em um contexto de políticas linguística, foi criado com o objetivo principal de atender a comunidades que, no Brasil, não têm o português como primeira língua e que, no exterior, desejam aprender o português do Brasil como língua de comunicação internacional.

Perfil: O público-alvo do Curso de Letras – Português do Brasil como Segunda Língua (Licenciatura) são os estudantes brasileiros interessados pelo ensino da língua portuguesa para falantes  e usuários de outras línguas, seja língua estrangeira, língua indígena ou língua de sinais. Não se exclui, entretanto, a possibilidade de receber estudantes estrangeiros, que sejam aprovados no exame de seleção (Vestibular, PAS, etc.). O graduado (licenciado) conta com uma sólida formação interdisciplinar, que se orienta para o desenvolvimento da compreensão e produção linguísticas e intelectuais, bem como para os estudos contrastivos, visando à preparação de profissionais aptos a ensinarem o português do Brasil vernacular para falantes de outras línguas das mais diversas comunidades nacionais e internacionais.

Mercado de Trabalho: O mercado de trabalho para os licenciados em Letras – Português do Brasil com Segunda Língua (PBSL) é amplo, uma vez que o Curso habilitará professores para atuarem em comunidades que não têm o português como língua materna, tendo em vista, especialmente, que, na atualidade, o português é língua de dois grandes mercados mundiais – a União Europeia e o Mercosul, e língua oficial de todos os países da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP). O egresso do Curso de PBSL poderá ocupar espaços em mercados brasileiros ou estrangeiros que requeiram o conhecimento da língua portuguesa, por motivos sociais, políticos e econômicos.

O Curso na UnB: No Curso de Letras – Português do Brasil como Segunda Língua (Licenciatura), a concepção pedagógica está vinculada à formação para o trabalho e para as práticas sociais. Essa formação se dá por meio de um conjunto de disciplinas organizadas segundo o tipo de conhecimento a ser desenvolvido, a saber: conhecimento de linguística aplicada, fundamentais para a formação do pensamento científico de qualquer docente de língua (s); conhecimentos linguísticos teórico-práticos e de natureza contrastiva; conhecimento sobre políticas linguísticas e formas contemporâneas de linguagem; conhecimentos teóricos e práticos de natureza pedagógica; conhecimentos socioculturais do Brasil.

Letras – Língua Portuguesa e Respectiva Literatura

O curso de Letras – Língua Portuguesa e Respectiva Literatura da UnB busca a formação de professores de língua portuguesa (Licenciatura) e de profissionais que atuam no domínio da língua portuguesa (Bacharelado). A proposta curricular privilegia os aspectos renovadores da formação de profissionais da língua/linguagem, deslocando a ênfase no significado dos conteúdos para a ênfase na significação e privilegiando a relação entre o objeto/matéria de ensino e os sujeitos do processo ensino-aprendizagem.

Perfil – quem pretende ingressar no Curso de Letras – Língua Portuguesa e Respectiva Literatura  deve ter interesse pelo estudo da língua/linguagem e da literatura. O graduado (licenciado ou bacharel) se identifica pelas seguintes competências e habilidades: domínio do uso da língua portuguesa oral e escrita, reflexão analítica e crítica sobre a linguagem, visão crítica das perspectivas teóricas adotadas nas investigações linguísticas e literárias, formação para o exercício profissional atualizado, percepção de diferentes contextos interculturais.

Mercado de Trabalho: Os licenciados em Letras – Língua Portuguesa e Respectiva Literatura podem atuar como professores de língua portuguesa ou de literatura. Essa atuação pode se dar em escolas de nível fundamental e médio públicas ou privadas ou em cursos de diversas naturezas. Os bacharéis desenvolvem atividades relacionadas predominantemente à leitura e à produção de textos (incluindo-se atividades de revisão e editoração), e têm campo aberto nos órgãos da administração pública e privada, nas editoras e gráficas, na área cultural, entre outros. Licenciados e bacharéis são preparados também para desenvolver pesquisa acadêmica.

O Curso na UnB: No curso de Letras – Língua Portuguesa e Respectiva Literatura, os estudantes recebem uma formação ampla nos conteúdos específicos do Curso, os quais se subdividem em três grandes áreas: formação em teoria e análise linguística, formação em teoria literária e literaturas de língua portuguesa. Os licenciados (futuros professores) recebem também formação na área pedagógica, enquanto os bacharelados recebem formação mais aprofundada na área de texto. O futuro profissional deve, ainda, desenvolver autonomia, discernimento e capacidade de refletir a respeito dos problemas com os quais vai se deparar em sua prática, para que possa construir alternativas teórico-metodológicas adequadas à realidade social com que irá se confrontar, no mercado de trabalho.
 

Currículos e Fluxos das Habilitações: