Imprimir

SELEÇÃO DE BOLSISTAS PARA O PROJETO “MUDANÇAS E CONTINUIDADES NA HISTÓRIA DE LONGA DURAÇÃO DA FAMÍLIA LINGUÍSTICA TUKÁNO”

 

 

SELEÇÃO DE BOLSISTAS PARA O PROJETO “MUDANÇAS E CONTINUIDADES NA HISTÓRIA DE LONGA DURAÇÃO DA FAMÍLIA LINGUÍSTICA TUKÁNO”

 

O projeto “MUDANÇAS E CONTINUIDADES NA HISTÓRIA DE LONGA DURAÇÃO DA FAMÍLIA LINGUÍSTICA TUKÁNO” torna pública a abertura de inscrições para a seleção de 05 (cinco) bolsistas de nível de graduação, sendo 2 para a área de antropologia e 3 para linguística, para trabalharem como assistentes de pesquisa no subprojeto “Banco de dados comparativo da família Tukáno e línguas do Noroeste da América do Sul”, administrado pelo Departamento de Linguística, Português e Línguas Clássicas (LIP), sob a coordenação do Prof. Dr. Thiago Chacon (LIP) e Prof. Dr. Luís Cayón (Departamento de Antropologia - DAN).

 

Da duração da bolsa: as bolsas terão duração de 4 meses, podendo ser renovadas até três vezes, totalizando o tempo máximo de 12 meses. O bolsista poderá ser desligado a qualquer momento a depender do seu desempenho no projeto.

 

Valor da bolsa: R$600,00 mensais.

 

Local de trabalho: Universidade de Brasília, Câmpus Universitário Darcy Ribeiro.

 

Da seleção:

            Pré-requisitos:

  1. 1.Estar cursando entre o 3º e o 7º semestre e não ser formando ou pré-formando;
  2. 2.Ter IRA igual ou superior a 3,5[1];
  3. 3.Ter disponibilidade de, no mínimo, 20 horas semanais;

 

Primeira etapa:

  1. 1.Análise de histórico escolar;
  2. 2.Análise da carta de intenções e motivações (no máximo, 1 página)

 

Como roteiro, sugere-se que as cartas devem procurar responder as seguintes questões:

  1. 1)Por que você tem interesse na bolsa?
  2. 2)Qual seu interesse em línguas e povos indígenas?
  3. 3)Qual seu interesse na investigação da pré-história da América do Sul?

 

Segunda etapa:

  1. Entrevista com a coordenação do projeto.

 

 

 

Período de inscrição: De 12 a 15 de Março (2015)

 

Documentos obrigatórios:

 

  1. Histórico escolar atualizado (não precisa ser oficial);
  2. Carta de intenções (1 página no máximo);
  3. Documento que informe o IRA (mínimo de 3,5);
  4. Cópia do RG e do CPF.

 

Todos os documentos devem ser enviados em uma única mensagem para os seguintes endereços eletrônicos, contendo com assunto “Seleção de bolsista”:

 

Linguística: Prof. Dr. Thiago Costa Chacon, email: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Antropologia: Prof. Dr. Luís Cayón, email: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

 

Brasília, 09 de Março de 2015

 

 

Prof. Dr. Thiago Chacon                                Prof. Dr. Luís Cayón

 

O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.                     O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.



[1] Poderá ser feito exceção a este critério caso o bolsista apresente os demais pré-requisitos e um nível satisfatório das informações no histórico escolar e carta de intenções.

Imprimir

CURSO DE ESCRITA CRIATIVA

 

CURSO DE ESCRITA CRIATIVA
Curso de extensão- IL/LIP/UnB

 

Imagem inline 1

 

Professoras: ANA VIEIRA PEREIRA E JULIANA DIAS

 

DIAS 11, 12 E 13 DE NOVEMBRO

 

14h30-18h

 

Auditório do INSTITUTO DE LETRAS- BSS 99- ICC SUL, subsolo.

 

Inscrições: do dia 19/10 ao dia 30/10- pelo link https://www.sistemas.unb.br/siex/publico/oferta_extensao_listagem.xhtml

 

Página: internet: http://www.unb.br/administracao/decanatos/interfoco/

 

Dúvidas no emaill:  O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

 

 

 

 

 

O que é:

 

Uma experiência de desbloqueio e expansão da capacidade de escrita individual. Os encontros baseiam-se na escrita dos participantes, produzida a partir de estímulos de vários tipos. O curso aborda também o tema da reescrita, da revisão e da preparação para publicação. São 45 horas de trabalho.

 

 Objetivos do curso:

 

O curso proporciona mais  tranquilidade na escrita, mais correção e mais noção dos passos que devem ser dados.

 

Temas e atividades abordadas

 

- bloqueios (e desbloqueios);

 

- a estratégia das várias versões (close reading e side writing);

 

- diversas atividades práticas ligadas ao tema da escrita

 

 A quem se destina?

 

A todos os que se sentem atraídos pelo tema e aqueles que necessitam de fluência em sua escrita: escritores, professores, jornalistas e outros que têm (ou querem ter) no texto a sua matéria prima de trabalho. 

 

O curso terá duração de 45 HORAS: 11 horas presenciais e 33 horas a distância via plataforma moodle.

 

 Haverá declaração de participação e  certificação de extensão pela UnB.

 

 

 

 

 

Imagem inline 2

Ana Vieira Pereira é portuguesa, mestre e doutora em Letras pela USP. Professora e autora de diversos títulos, é coordenadora do espaço Quinta Palavra, dedicado à escrita, em Botucatu.

 

Imagem inline 3

Juliana de Freitas Dias é professora da Universidade de Brasília. Mestre e doutora em Linguística, na área de Análise de Discurso, desenvolve e orienta pesquisas relacionadas à escrita, reescrita, autoria, criatividade, identidade e consciência linguística crítica.

 

Imprimir

Semana Universitária 2015 - Oficina com as Professoras Marina Magalhães, Walkiria Praça e Flávia de Castro Alves

 

Nome do Evento:

A diversidade linguística brasileira e a pesquisa em línguas indígenas

Modalidade:

Oficina

Área Temática:

Educação

Departamento:

LIP / IL - Departamento de Lingüística, Português e Línguas Clássicas

Departamento Origem:

LIP / IL - Departamento de Lingüística, Português e Línguas Clássicas

Descrição do Evento

Resumo:

Esta oficina tem por objetivo introduzir a diversidade linguística brasileira, assim como as dificuldades enfrentadas e as soluções encontradas na pesquisa em línguas indígenas. Segundo Rodrigues (1998), há no Brasil aproximadamente 180 línguas indígenas e 220 povos. A realidade linguística desses povos varia enormemente. Muitos são monolíngues, outros bilíngues ou multilíngues, existindo, no Brasil, comunidades indígenas que falam até mais de seis línguas diferentes, bem como municípios que possuem mais de duas línguas oficiais. No entanto, de acordo com Seki (1999), “quanto às tarefas da Linguística Indígena no Brasil, hoje, uma prioridade, a nosso ver, é a elaboração de descrições de boa qualidade (grifo nosso)... Ao mesmo tempo em que isto representará uma contribuição para a Linguística, permitirá também atender, em parte, a demanda, das comunidades indígenas, quanto à documentação de suas línguas e culturas”. Nesse sentido, cada uma das professoras apresentará um breve relato ilustrado com a metodologia que utiliza para coletar e analisar dados, visando à elaboração da gramática descritiva da língua indígena estudada.

Objetivos:

Discutir o tema da diversidade linguística brasileira, e dos problemas enfrentados e das soluções enfrentradas na pesquisa em línguas indígenas

Palavras Chave:

diversidade linguística brasileira, pesquisa em línguas indígenas

Maiores informações -> http://www.semanauniversitaria.unb.br/

Imprimir

Comemoração dos 15 anos do curso de Licenciatura em Português do Brasil como Segunda Língua - PBSL

Programação

 

4, 5 e 6 de dezembro de 2013

Loca: Auditório do Instituto de Letras (BSS 099 do subsolo do ICC Ala Sul)

 

Dia 4 de dezembro: quarta-feira

 

Horário

Atividade

9h30min

Abertura: Representantes da Administração da UnB

10h-11h

Conferência: Mestre Julwaity Quaresma Cardoso Pimentel (São Tomé e Príncipe). Coordenação Administrativa da Assessoria Internacional do Ministério da Educação, Brasil.

Tema: O ensino do Português na África de Língua Oficial Portuguesa

Coordenadora: Profa. Assistente Lurdes Teresa Lopes Jorge, Professora de Linguística e de Língua Portuguesa do LIP.

11h-12h

Debate

14h-16h

Oficina 1: Português em face da Lei 10.639, de 9 de janeiro de 2003: educação das relações étnico-raciais e ensino de história e cultura afro-brasileira e africana

 Coordenadora: Vania Alves da Silva

16h

Pausa

16h15min-17h15min

Apresentação de trabalho dos estudantes de PBSL, na modalidade pôster.

Participantes

Título

Laysla Carvalho Bonifácio e Lubna dos Santos Fontoura de Carvalho

Análise do Minidicionário de Língua Portuguesa Silveira Bueno

Ana Karolina de Azevêdo Gomes, Filipe Gomes dos Santos Rabelo, Juliane Simões da Silva e

Vinícius Silva Moreira

A função semântica dos aumentativos e diminutivos em prol da competência lexical

Ana Cristina Rodrigues Lima Sousa, Antonia Mendonça da Silva e Helen Cristina Campos Ribeiro

O ensino de hipônimos do campo lexical vestuário

 

17h15min-18h15min

Bazar de troca e de venda de livros.

 

 

 

Dia 05 de outubro: quinta-feira

 

Horário

Atividade

10h-11h

Conferência:Dra. BárbaraHlibowicka-Weglarz, Vice-Reitora da Universidade de Lublin;Professora catedrática de Línguística Românica e Portuguesa na Universidade Marie Curie Sklodowska em Lublin na Polônia

Tema: O ensino do Português como língua estrangeira na Polônia

Coordenador da mesa: Dr. Leandro Rodrigues Alves Diniz, Professor Adjunto na UFMG, na área de Português como Língua Adicional

11h-12h

Debate

14h-16h

Oficina 2: Português para estudantes estrangeiros, coordenada pela professora BárbaraHlibowicka-Weglarz.

16h

Pausa

16h15min-17h30min

Exposição de material didático produzido pelos alunos de PBSL

Participantes Betiza de Queiroz Assencio e Ivan Carlos Cruz Bezerra; Itaimara Feitosa dos Santos Oliveira e Raquel Alvares de Noronha; Priscila Andressa Martins de Oliveira e Roseli Oliveira Silva;  Eduardo de Sousa Nunes e Raíssa Marques de Melo Kikuchi; Professora Michelle Machado de Oliveira Vilarinho.

Apresentação de pôsteres

Participantes

Titulo do trabalho

Betiza de Queiroz Assencio e

Ivan Carlos Cruz Bezerra

O uso do Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa para o ensino do léxico

Priscila Andressa Martins de Oliveira e Roseli Oliveira Silva

A microestrutura do Dicionário Aulete Digital: proposta de atividade didática

Isadora Lélis Beltrami e Lilian Quetlen Coelho de Oliveira

Capacitação de graduandos para atuar como tutores das disciplinas do curso de Letras

Karina Caldas Pio Fernandes; Mayana Harishima Medeiros Dias

Avaliação do dicionário Cambridge Word Routes (2007)

 

 

 

 

 

Dia 06 de dezembro: sexta-feira

 

Horário

Atividade

10h-11h

Conferência 1– Dr. Wilmar d'Angelis, Professor no Departamento de Linguística na Unicamp; atua na área de educação escolar e formação de professores indígenas

11h-12h

Conferência 2– Dra. Enilde Faulstich, Professora Associada do Departamento de Linguística, Português e Línguas Clássicas - LIP: Apresentação de ações e de cursos, no LIP/IL, do Português como segunda língua ao lado da Língua de Sinais Brasileira – LSB/Libras

Coordenadora da mesa: Dra. Marcia Niederauer, Professora Adjunta do LIP

14h-16h

Oficinas simultâneas: Oficina 3 e Oficina 4

Tema – Oficina 3: Ensino de Português em comunidades indígenas, coordenada pelo Prof. Wilmar d’Agelis e por pós-graduandos do Laboratório de Línguas Indígenas – Lali/IL

Tema – Oficina 4: Ensino de Libras como L2 para falantes do Português: distanciamento estrutural entre as duas línguas e sucesso da aprendizagem nas aulas da UnB, coordenada pelos Professores de Libras do LIP Glaucio de Castro Júnior, Messias Ramos Costa e Patrícia Tuxi

16h

Pausa

16h15min-17h15min

Encontro de professores formados no Curso de PBSL: relato de experiências dos ex-alunos

Coordenadora: Profa. Dra. Janaína de Aquino Ferraz

17h15min-18h15min

Palavra aberta aos Professores do Curso de PBSL

18h15min

Encerramento do Evento: 15 ANOS DO CURSO DE LICENCIATURA EM PORTUGUÊS DO BRASIL COMO SEGUNDA LINGUA - PBSL

 

 

Comissão organizadora

 

Profa. Enilde Faulstich – Presidente

Profa. Flávia de Oliveira Maia Pires

Profa. Lurdes Teresa Lopes Jorge

Profa. Marcia Elenita Niederauer

Profa. Michelle Machado de O. Vilarinho